23 de novembro de 2016

A primavera das lagartas

Um dia minha aluna chegou queimada de sol, descascando no rosto. Ela ficou tímida e não queria entrar, daí fiquei pensando em quantas vezes me privei por não achar minha aparência boa.
Quando uma pessoa próxima adoeceu, percebi que dias ensolarados voam como o tempo anda pra frente, e resolvi viver. Nos dias nublados, se estou insegura, um sorriso abre-alas ajuda embelezar as coisas.
Quanto a pequenina do começo da história, acabou ficando. Eu lhe disse que "lagarta precisa descascar pra virar borboleta" e ela entendeu. Crianças entendem sobre urgência rápidamente, bem mais rápido que os adultos.

Nenhum comentário:

type='text/javascript'/>