26 de março de 2009

Guardo meu susto para pequenas coisas, singelas e belas e simples. E só.

22 de março de 2009

Poderia ficar horas pensando em como seria a foto depois que ele caísse. Também poderia ficar horas pensando que ele voa mesmo e não vai cair nunca mais.

Canção para dar certo.

O outono é cheio de desejos.
Amizades novas são cheias de esperança.
Eu sou cheia de desejos e esperança.


Novos dias, não demorem.
Novos rostos, não se afastem.
Espero com muitas de mim
deitada na escada do tempo.


Quero dias melhores, porque
tristes já sei de cor.
E amigos melhores, porque
ruins já sei demais.


Mas o outono é só desejo.
Os ponteiros se encarregam das respostas.

7 de março de 2009

Não me procure onde estou,
Não me queira nas multidões.
Meus versos não cabem no mundo.
O fardo das palavras,
mesmo as não escritas,
me pesa.
Já gostei de estar junto.
Mas o tempo passou
Desaprendi.
type='text/javascript'/>