21 de novembro de 2007





(clique na tirinha para aumentar!)


- Ei, você... Escreve alguma coisa aí... Tô sem inspiração.

- Hum... Ahm... É...

- Escreve qualquer coisa oras! Já já eu volto.

- Queijo? _ ojieuQ? _ q.u.e.i.j.o.? _ QUEIJO? _

Não...

"vale 1 milhão de queijos".

18 de novembro de 2007

Passo por passo
construo meu mundo perfeito
Pedaços açucarados
cortinas e véus
torres, gigantes e fadas
Passo por passo...
Da porta até o quintal
flores escolhidas
Poemas tatuados nos meus braços
Beijos literários
Perfeito o meu mundo perfeito.
Trago pessoas pra dentro do meu espaço
Tem a cama
os enfeites pelo chão
Conto histórias dos planetas, dos ventos
das sereias, do AMOR

Como se o amor e eu fossêmos uma coisa, apenas...
Quão quentinha é a sopa da minha boca
derramada sobre a sua
numa doação inteira.
O calor das mãos acariciando fio por fio do seu cabelo
desconstruindo fio por fio seu monstro do armário
o medo do escuro

aquela sua preocupação com o relógio
e sua mania de adorar objetos...
Cubro pra dormir, você volta a sonhar
diluído no meu colo
E sonha a noite toda.

Mas ninguém nunca fica...
Ninguém nunca fica...

Amanhece.
Estou só.




(Raiva)

11 de novembro de 2007

somos diferentes
mas também tão parecidos!
eu sou diferente e semelhante a você
tenho certeza que já amou alguém nessa vida
e que possui mil sonhos
que já chorou por alguma dor
seja física, quando ralou seu joelho aos 5 anos
seja emocional quando descobriu que aquela pessoa não te queria da mesma forma
ou espiritual, quando viu que as pessoas que mais ama não vivem para sempre...
somos parecidos
e tão diferentes!
deixa as diferenças para descobrirmos juntos em uma conversa ao entardecer sentados na calçada
e as semelhanças para nos unirmos enquanto seres humanos
e vizinhos de planeta!
deixa a cara feia de lado
ou as imperfeições
me dá sua mão
e vamos indo
tem muito planeta sob nossos pés
e muito céu sobre esse chão...
quem sabe você não é exatamente aquilo que mais me faltava
exatamente o que faltava...
type='text/javascript'/>